Um Olhar Crônico Esportivo

Um espaço para textos e comentários sobre esportes.

<

quarta-feira, abril 02, 2008

Pesquisa Datafolha – novos comentários



Uma leitora desse Olhar Crônico Esportivo solicitou-me por e-mail algumas informações complementares sobre números da pesquisa Datafolha sobre as torcidas de futebol. Basicamente, ela queria saber a composição por classe sócio-econômica de algumas torcidas. Esse post é, portanto, a resposta à consulta que ela fez. Como acabou ficando um pouco maior e o tema é interessante, resolvi aproveitá-lo como um novo post a respeito da pesquisa.

A tabela abaixo, tomando o Brasil como um todo, mostra o percentual de pessoas de cada classe sócio-econômica que torce para cada um dos times citados no e-mail da leitora.

Ou seja, 14% dos brasileiros de classe A/B são torcedores rubronegros, enquanto 6% dos brasileiros D/E são torcedores do São Paulo, por exemplo.

Clube __________ % Classe A/B__ % Classe C_____ % Classe D/E

Flamengo

14

17

19

Corinthians

14

13

8

São Paulo

10

9

6

Vasco

5

6

5

Fluminense

3

1

1

Tomando esses números como base – mas é uma base com margem de erro um pouco maior que a da pesquisa como um todo, ok? – temos a seguinte distribuição com o percentual de cada classe sócio-econômica e o percentual dessa classe sobre a torcida do clube.

Clube__________ Classe A/B____ Classe C_______ Classe D/E

Flamengo

14 – 28%

17 – 34%

19 – 38%

Corinthians

14 – 40%

13 – 37%

8 – 23%

São Paulo

10 – 40%

9 – 36%

6 – 24%

Vasco

5 – 31%

6 – 38%

5 – 31%

Fluminense

3 – 60%

1 – 20%

1 – 20%

Como se pode ver, o Flamengo tem uma concentração maior de torcedores CDE – 72% - que Corinthians e São Paulo, ambos com 60%, e bem maior que Fluminense com 40%, ficando muito próximo do percentual do Vasco – 69%.

Pelo outro lado, ABC, temos o CRF com 62% da torcida composta por membros dessas classes, enquanto Corinthians tem 77%, São Paulo tem 76%, Vasco tem 69% e Fluminense tem 80%.

Projetando esses números sobre o universo de torcedores de futebol, de ambos os sexos, com idade acima de 16 anos em janeiro de 2008, pelos números dessa pesquisa, teremos a seguinte composição em milhões de torcedores (milhões de torcedores e não milhões de habitantes, como fazem os dirigentes):

Clube_______ Total_______ Total A/B ___ Total C____ Total D/E

Flamengo

17

4,8

5,8

6,4

Corinthians

12

4,8

4,4

2,8

São Paulo

8

3,2

2,9

1,9

Vasco

6

1,9

2,2

1,9

Fluminense

1

0,6

0,2

0,2

Deixando claro, uma vez mais, que esses números são o resultado da pesquisa Datafolha, sem invenções, eliminando os brasileiros que não gostam de futebol e os brasileiros que, gostando de futebol, declararam não torcer para nenhum time em particular. Lembrando, uma vez mais, que foram considerados apenas os brasileiros acima de 16 anos de idade.

O post de 15 de janeiro desse ano – “Pesquisa Datafolha – alguns comentários” – tem a base sobre a qual escrevi esse novo comentário.

.

Marcadores:

4 Comments:

  • At 3:11 PM, Anonymous Anônimo said…

    Prezado Emerson, sobre a questão do tamanho da torcida do Flamengo, fiz um comentário no post sobre a entrevista do Marcio Braga. Todavia, como este post é específico sobre o tema, gostaria de tecer algumas linhas acerca do assunto.

    Já viajei este país quase todo. Já fui à Bahia, Espírito Santo, Minas Gerais, São Paulo, Paraná, Mato Grosso do Sul, Santa Catarina, Goiás, Pernambuco e Paraíba. Em todos esses lugares, sempre encontrei Rubro-Negros. Hà lugares, inclusive, que praticamente só tem Flamengo. Isso é um fato e pude constatar pessoalmente o enorme prestígio do Clube de Regatas do Flamengo.

    Sempre duvido um pouco dessas pesquisas de opinião que buscam uma aproximação entre a torcida do Flamengo e as demais. Sei que times como o São Paulo e o Corinthians contam com muitos adeptos espalhados pelo país, mas acredito (talvez ingenuamente) que a torcida do Flamengo seja muito maior que as outras. Acho até que o São Paulo tem sido menosprezado, porque tem uma torcida que cresce bastante e talvez já seja a segunda do país.

    Abraços e Saudações Rubro-Negras.

    Luiz Eduardo.

     
  • At 3:37 PM, Blogger Emerson said…

    Luiz Eduardo, felizmente, para jornalistas e blogueiros, além das rodas de botequins, creio que nunca teremos a "pesquisa absoluta", aquela que vai dizer a "Verdade".

    :o)

    Conheço o Brasil todo, felizmente, e por toda parte encontro rubronegros, isso é verdade (creio que só no Rio Grande não encontrei). Não tenho dúvidas quanto a esse fato, assim como de que a torcida corintiana é a segunda maior.

    Mas, e você deve saber disso, há que ter parâmetros para tomadas de decisões em marketing, e para isso existem as pesquisas.

    Creio, de maneira geral, que elas são bastante próximas da realidade que conta para os planejamentos de marketing e os grandes números devem ser bastante próximos da realidade.

     
  • At 6:46 PM, Anonymous Anônimo said…

    Emerson, qual era a proposta des ta pesquisa? Queria provar o que do Flu?

    João Luiz

     
  • At 6:53 PM, Blogger Emerson said…

    João Luiz, não faço idéia.
    Apenas fiz o levantamento a pedido da leitora (como ela solicitou por e-mail não creio que seja o caso de postar o nome dela aqui).

    Aí, ficou meio grandinho...

    E dá uma amostra interessante de como um anunciante enxerga esse universo.

    Mostra, também, que entre Corinthians e São Paulo não há, praticamente, diferença de composição social, ao contrário de um certo mito que até muitos são-paulinos espalham.

     

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home