Um Olhar Crônico Esportivo

Um espaço para textos e comentários sobre esportes.

<

sexta-feira, novembro 23, 2007

Ouvindo Ferran Soriano - Parte I


Estádio vazio, audiência baixa?



- Ferran, em sua opinião como amante do futebol e como dirigente esportivo, você acredita que há chance das transmissões do Campeonato Brasileiro atraírem boa audiência na Europa?

A palestra já tinha terminado, assim como a sessão de perguntas & respostas para a imprensa, da qual participou esse humilde editor do Olhar Crônico Esportivo, quando fiz essa pergunta a Ferran Soriano, Vice-Presidente Financeiro do FC Barcelona.

Em sua resposta ele disse achar difícil, pois o campeonato é desconhecido dos europeus. Emendei perguntando se esse desconhecimento era devido à ausência de grandes nomes, e ele disse que não, o campeonato é pouco conhecido porque é pouco divulgado mesmo. E então, na seqüência, ele disse o que foi, para mim, o mais importante que ouvi dele na manhã de hoje, em termos de futebol brasileiro:

- É muito estranho e incomoda ver jogos do Brasil e os estádios estão sempre vazios. Se ninguém vai ao campo para ver o jogo, será que ele é bom? Será que vale a pena eu perder meu tempo e assistir? Mas, por que eu irei assistir se quem está lá não vai?

- Ou seja, Ferran, com isso você está dizendo que a presença da torcida no estádio estimula e aumenta a audiência na televisão?

- Sim! Futebol é espetáculo (não é à toa que ele é dirigente do Barca...) e espetáculo bom tem público. Se eu ligo a televisão e vejo o estádio vazio, desconfio da qualidade do espetáculo que vai acontecer.

...

Depois disso falamos mais um pouco, agora sobre a questão “estádios” e eu fui embora com essa conversa final em minha cabeça. Caminhando até o estacionamento e depois no carro, em meio ao trânsito incivilizado dessa metrópole, não consegui pensar em outra coisa: futebol é espetáculo e precisa de público no estádio para ter maior público ainda nas telinhas. Assim pensando, fui rememorando as visões de nossos estádios, os jogos com portões fechados, os jogos para meia dúzia de milhares de pessoas e, mais que lembrando, sentindo novamente o desconforto que a visão das arquibancadas proporciona.

Naturalmente há exceções, jogos com casa cheia, mas são exceções, nada mais que isso. A tônica de nossos campeonatos é jogar para pouca gente ao vivo no estádio.

Pensei, também, nos números impressionantes que os “matchday” representam nas finanças dos grandes clubes europeus, números que tem como centro bons estádios, onde o público tem à disposição cachorro-quente suspeito e pipoca fria, mas serviços de cathering para variados gostos e bolsos, usando o mesmo termo empregado pelo diretor blaugrano.

Bom, isso é assunto para o próximo texto, já como parte da palestra propriamente dita.
Comecei pelo final por mera adequação ao final de semana, quando teremos estádios cheios e estádios vazios.

...

Nesse momento o Clube dos 13 está negociando a transmissão do Campeonato Brasileiro para vários países da Ásia, com ênfase, naturalmente, para China e Japão, além de alguns países árabes. Consta que todo domingo teremos um jogo às 11:00 horas, com transmissão direta para esses países, onde será assistido no horário nobre da noite dominical (semana que vem o Olhar Crônico Esportivo trará mais sobre tudo isso, a partir de conversa ao vivo com o pessoal do Clube dos 13).

Mas... Teremos público bom às 11:00?

Teremos jogadores acordados nesse horário?

Saberemos em breve.

Segundo o C 13, é a própria Globo que comercializa os jogos do BR para a Europa, nesse caso, porém, transmitindo poucos jogos em seu canal internacional.

.

Marcadores: , , ,

1 Comments:

  • At 4:13 AM, Anonymous Vagner said…

    Os jogos às 11 da manhã podem ser uma boa...baseio esta opinião na experiência dos blocos de rua do carnaval do Rio de Janeiro. Os blocos que saem à tarde são muito cheios, desorganizados e com público violento. Os blocos que saem pela manhã também são cheios, mas com muitas famílias e muito tranquilos. Pode ser viagem minha, mas queria ver esse experiência. Se for para divulgar melhor o campeonato em outros continentes, acho válido. Parabéns pelo teu blog.

     

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home