Um Olhar Crônico Esportivo

Um espaço para textos e comentários sobre esportes.

<

segunda-feira, dezembro 31, 2007

Muito obrigado


Escrever é tarefa que dá muito prazer e traz, também, muito prazer.


Bom, nem sempre, é verdade. Vez ou outra algum espírito de porco – nada a ver com os torcedores palestrinos, é só a velha expressão popular – aparece e perturba, irrita, até. Não faz mal, entretanto. É baixo preço a pagar pelo muito que tantos outros outros espíritos alegres, inteligentes, agradáveis, proporcionam.




Nesse ano de 2007 o Um Olhar Crônico ficou um tanto abandonado. Espero corrigir isso em 2008. Acreditem, não foi por falta de vontade. Não chegou a ser por falta de tempo em parte desse ano tão veloz. Foi mais por falta de inspiração, mesmo. Outro tanto foi por achar melhor deletar textos que saíram raivosos, chatos, cheios de reclamações, com muita escuridão e pouca luz. É, teve disso, também. Em quase metade do ano a seca detonou, deletou meu humor. Tudo fica melhor quando chove, mesmo com esse calorão brabo.

Em 2007 escrevi muito mais no Olhar Crônico Esportivo, invertendo a ordem como vinham as coisas. Falar futebol em si não é minha praia, confesso. Como já escrevi inclusive no meu perfil, há muito mais gente capacitada, muito melhor capacitada para isso do que eu. Acabei dando maior importância ao que o Marcelo Damato denominou “extracampo”. É bem por aí. Sou mais atraído pelos bastidores, pelos números, pelos planos, do que propriamente pelas jogadas, pelos esquemas táticos, pelas eternas discussões em torno da bola de fulano ou beltrano. A bola, qualquer que seja, qualquer que seja o modo como é jogada, é mais e mais fruto dos bastidores. Tudo que acontece no campo é cada dia mais ditado pelo que acontece extracampo. Essa é a minha praia, não que eu nade bem nela, mas é a minha praia preferencial.

Os blogs fecham 2007 com a média de mais de 8.000 visitas por mês, um número que me enche de orgulho. Negar, seria tolice e presunção. No decorrer do ano, percebi que minha relação com os dois blogs mudou, na verdade, está mudando.

Não abro mão de escrever somente o que penso, mesmo que isso signifique remar na contramão de alguma maioria.

Não abro mão de parecer contraditório e – por que não? – de ser contraditório, mesmo. Tanto posso elogiar Lula, como criticar lulla da Silva. Infelizmente, para todos nós, acho que mais critiquei lulla da Silva do que elogiei Lula. Lamento, mas a culpa por esse desequilíbio não é minha.

Tenho medo das verdades únicas, fundamentalistas. George Bush é assim, Khomeini também era. Assim também o são muitos militantes de muitos partidos políticos, inclusive um tupiniquim.

Sou fundamentalista numa coisa e dela não abro mão: a defesa da democracia. Porém, como a democracia é o oposto do fundamentalismo, ao defendê-la encarniçadamente não sou fundamentalista. Sou apenas um democrata.

Alonguei-me, pra variar.


Muito obrigado pela amizade, pela presença, pelas palavras, pelo incentivo que vocês me deram.



Que 2008 seja um ano melhor do que foi 2007 para todos nós e para esse imenso bananal que todos amamos e gostamos de chamar de Brasil.


.

Marcadores:

3 Comments:

  • At 1:36 PM, Anonymous GIGI said…

    hahahah...
    Bem Emerson, você escapou ao apagar das luzes...
    Eu já estava pronta para reclamar do seu silêncio.
    Esse negócio de escrever um texto, abrir espaço para as opiniões e bye, bye...não é nada legal.
    Mas sei que você também pensa assim.
    Não desanima não!
    Segue escrevendo, escreve muuuuito, do contrário com quem vou debater?

    Você sabe que adoro isso.
    Adoro suas informações, trocar idéias com você, provocar você...rsrsr

    Seus textos sempre servem de estímulo a minha massa cinzenta, mesmo que algumas vezes eu diga bobagens.

    De qualquer forma, o que importa é refletir sobre opiniões diversar e poder, sem ter medo de ofender, externar a opinião.
    A pior coisa, é ter que escrever pensando em não desagradar A ou B, que muitas vezes tomam opiniões e jeito de ser, como ofensas pessoais.
    Aqui me sinto livre, e sei que é assim que você gosta. E isso é muito bom.
    Abraços

    FELIZ 2008 A TODOS !!!

     
  • At 8:23 PM, Anonymous Anônimo said…

    Emerson.
    Por ignorância eu não conhecia o "Olhar Crônico".
    Prometo participar mais dele em 2008, (não sou político pra prometer).
    É que eu sou do mato e gosto das coisas da roça, principalmente "moda de viola".
    .
    Um ótimo 2008 pra todos nós.
    Abraços
    Odair Porcolino.

     
  • At 10:36 PM, Blogger ronaldo derly said…

    caro emerson como o porcolino agora
    descobri o seu blog e vou acompanhar
    mais de perto,não desanime,o dom da
    palavra e da escrita são para pessoas
    bem articuladas,aguardaremos seus
    posts para que possamos debate-los
    um abraço e tudo de bom em 2008,de
    preferência com uma final de libertas
    flamengoxsão paulo e que vença o me
    lhor.

     

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home