Um Olhar Crônico Esportivo

Um espaço para textos e comentários sobre esportes.

<

quarta-feira, abril 16, 2008

Guerra dos Estádios – IX

Mais um capítulo, leitores do Olhar Crônico Esportivo.

Começamos o capítulo VIII com algumas continhas de matemática, agora começamos esse com previsão meteorológica.





Espero que tenham conseguido enxergar esses números – ficaram pequenos, eu sei. Basicamente, eles dizem que há previsão de chuvas para sexta, sábado e domingo, e bem menos para quinta-feira, totalizando 55 mm. Não é muito, mas está longe de ser pouco. Na região do Palestra Itália poderemos ter menos ou mais chuvas que isso. Uma única pancada forte e localizada no sábado, ou pior ainda, no domingo, pode deixar o gramado do estádio em situação bem pior do que está hoje.

Não vi in loco o gramado e também nada vi na televisão, mas há informações, de palmeirenses mesmo, dando conta que o estado do gramado não é bom. Na semana passada, o presidente da empresa responsável pelo mesmo disse que precisaria de pelo menos 15 dias bons para deixar o gramado em ordem, ou seja, sua previsão era tê-lo em bom estado para o dia 23, data do jogo contra o Sport pela Copa do Brasil, se não tivesse chuvas muito fortes no período. O que se pôde deduzir de suas palavras é que dia 23 era um limite mais que nunca sujeito a chuvas e trovoadas. Jogo no dia 20, antecedido por chuvas, é praticamente sinônimo de gramado ruim.

Em tese, nada mais que isso, é uma situação mais favorável ao São Paulo por dois motivos: terá a vantagem do empate e gramado muito pesado, encharcado, impedindo a bola de correr, favorece mais o jogo defensivo. O outro motivo são as características do atual time do Palmeiras, com toques velozes e jogadas de habilidade, principalmente de Valdívia, que ficarão severamente comprometidas.

Antes da decisão da Federação, já se sabia dessas condições e alguns dirigentes dirigentes alviverdes, pelo menos fora do alcance dos microfones, comentavam o assunto com preocupação. Esse, por sinal, era um dos motivos que levaram o presidente Della Monica a, inicialmente, simplesmente descartar o Palestra e centralizar esforços em Ribeirão Preto.

Com a palavra, São Pedro, de hoje em diante.


.

Marcadores: , ,

8 Comments:

  • At 6:29 PM, Blogger Rubão said…

    mas não se esqueça que o gramado estava igualmente impraticável em Ribeirão no primeiro turno e tinha chovido tb.

    e sobre sua pergunta de qual será a defesa do Palmeiras no blog do Marcelo, escrevi:

    eu acho que ele saca o Gustavo e bota o Deivid ou o Dininho, que é mais experiente. mas não estranharia se botasse o Martinez de zagueiro, já fez isso uma vez.

    eu tb acho que há uma hipótese maluca de começar com o Lenny como “lateral” igual ao Pedrinho na final do Paulista ano passado contra o São Caetano. aí ele colocaria o Wendel de primeiro volante, já que atua pela direita, o Leo Lima de segundo e Martinez ou Gustavo na zaga. o resto do time seria com Marcos, Leandro, Leo, Diego, Valdívia, Alex e Kléber.

    como disse antes, já pensei em uns 10 esquemas alternativos. vamos ver qual estará certo. pq, um deles, com certeza, o Luxa usará.

    Rubens Leme

     
  • At 6:41 PM, Blogger ronaldo derly said…

    caro emerson desde a copa são paulo
    de juniores acho que apenas um jogo
    transmitido desde são paulo não cho
    veu,os demais e foram muitos que eu
    assisti todos choveram muito,pouco ou
    mais ou menos,um abraço.

    ronaldo derly

     
  • At 6:51 PM, Anonymous tina said…

    São Pedro é co-irmão!
    rsrs

     
  • At 9:51 PM, OpenID futebolnegocio said…

    Olá Emerson,

    Escrevi no "Além do Jogo", mas faço questão de reproduzir aqui.

    Estive no Palestra na última sexta-feira e verifiquei que o gramado realmente está em péssimo estado. Pior que campo de várzea!

    Se o gramado fizer a diferença no domingo vai ficar feio para a diretoria do Palmeiras, que fez questão de jogar no Palestra...

    Abs,
    Marcos Silveira

     
  • At 10:45 PM, Blogger Odair Porcolino said…

    Emerson.
    Eu me adiantei e escreví no post anterior, he, he, he.
    .
    Quanta incompetência.
    Como diziam lá em Pederneiras.
    "Porca Pipa".
    ????????
    Odair Porcolino.

     
  • At 11:11 AM, Blogger Rubão said…

    para seu deleite, Emerson... como vc gosta

    Cambista diz a jornal que consegue ingressos 'dentro do Palmeiras'

    Do UOL Esporte
    Em São Paulo

    Um cambista, que vendia ingressos para o jogo entre Palmeiras e São Paulo, no próximo domingo, contou ao jornal o Estado de S. Paulo que conseguiu as entradas com alguém ligado ao Palmeiras.

    "Há mais de 20 anos compro direto lá no Palmeiras", confessou Maguila, um dos cambistas que ofereceram ingressos à reportagem do jornal na tarde de quarta-feira nas imediações do estádio Palestra Itália, palco do jogo decisivo da semifinal.

    Um bilhete de arquibancada, vendido a R$ 40 nas bilheterias, era oferecido por R$ 100 no câmbio negro. Após muita insistência, a reportagem do jornal conseguiu diminuir o valor para R$ 75.

    "Eu paguei R$ 55, não posso abaixar mais", disse Maguila. Ele não quis especificar como conseguia as entradas, mas revelou que as adquiria com alguém que trabalha com a venda.

    "Temos um chave lá dentro", confirmou Biro, outro dos vendedores, referindo-se ao fornecedor.

    O vice-presidente do Palmeiras, Ebem Gualtieri, afirmou que era impossível os ingressos terem vindo do Palmeiras, pois o clube só tinha entradas para a cadeira cativa. "É uma acusação gravíssima, não havia ingresso no nosso poder".

    Além do Palestra Itália, o Estado visitou ainda outros pontos de venda, como o Morumbi o Canindé e o Pacaembu. Só neste último local não foi detectada a ação de cambistas.

    http://esporte.uol.com.br/futebol/ultimas/2008/04/17/ult59u153617.jhtm

     
  • At 12:50 PM, Blogger Emerson said…

    hehehehehe...

    Eu já tinha lido no sacrossanto café-da-manhã, Rubão, pouco depois das seis da matina. Essa matéria é do Estadão, por sinal, excelente.

    Mas não vou entrar nesse assunto, ele é irrelevante para o Choque-Rei. Acredito que haja esquemas lá dentro porque esse papo é véio e manjado, mas deve haver, também, envolvendo o Morumbi.

    O cambista não me incomoda. Pra você ter idéia, comprei meu ingresso contra o Juventus de um cambista! Isso porque fui de geral azul com um pessoal amigo e abandonei a cadeira. :o)
    Até relatei aqui.

    O que incomoda é a existência desses esquemas. Isso é criminoso de fato e deve ser combatido.

     
  • At 1:17 PM, Blogger Rubão said…

    Quer dizer que o senhor, caro Emerson G, “sustenta” essa prática ilícita de cambistas? “Você faz a merda e depois a polícia tem que consertar, é isso? Seu Emerson G, o senhor é um fanfarrão, sabia? Um fanfarrão! Pede pra sair, pede pra sair!”

     

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home