Um Olhar Crônico Esportivo

Um espaço para textos e comentários sobre esportes.

<

quinta-feira, dezembro 14, 2006

Nilmar, pra variar




O horizonte clareia e exatamente do jeito que esse blog previu há alguns meses já.

Ontem, o advogado de Nilmar declarou o que já era velho em agosto: Nilmar não tem vínculo com nenhum clube. Sim, porque o Lyon, tão logo negociou com a MSI/Corinthians, correu a rescindir seu contrato. Com o Corinthians, Nilmar tinha um contrato que expirou em 31 de julho. Portanto, desde 1º de agosto o jogador está livre no mercado. Isso é fato, o resto é versão.

Hoje, o grupo de pretendentes ao seu futebol é bem grande.

Corinthians, Santos, Internacional, Flamengo, Cruzeiro, São Paulo (que ainda não desistiu e acompanha à distância) e agora o Palmeiras. Comenta-se que o Íbis fará uma proposta hoje ou amanhã, como ironizou o Renato Maurício Prado. Tem a ver...

Dessa turma aí de cima, Cruzeiro e Internacional já desistiram, o Cruzeiro oficialmente. Mas dificilmente Nilmar optaria pelo time mineiro, pois ele está fora da grande vitrine, a Libertadores. Esse é, também, o problema do Palmeiras, restrito às competições domésticas em 2007. O Corinthians está fora da Libertadores, mas é uma possibilidade, diante do suposto novo dinheiro que Berezovsky talvez enterre no Parque São Jorge.

Os times com reais possibilidades são o Flamengo e o Santos, talvez mais que o São Paulo. Ambos parecem dispostos a gastar bastante e têm históricos de contratações fora da realidade do futebol brasileiro, como é o caso de Zé Roberto no Santos atual. O Flamengo, depois de um período de moderação e pés no chão, parece entusiasmado com a TimeMania e seus ganhos apenas supostos, ainda longe da realidade. Quanto ao São Paulo, o pai do jogador já disse o que pensa: o time paga mal, só paga menos de duzentos mil, exceto para Rogério Ceni. Inteligente e observador o pai do Nilmar, mas equivocado, ao dizer que pagar menos de duzentos mil é pagar mal.

Nilmar quer ganhar 500.000 reais por mês, entre salário e luvas. Pelo menos.

Isso equivale à bagatela de 6 milhões por ano, nada menos que quase três milhões de dólares! E o que muito dirigente ainda não sabe é que ele vai engrossar o caldo, pois não quer contrato maior que um ano.

Nilmar vale tudo isso?

Não.

É um jogador que fracassou na Europa no mais brasileiro dos times europeus.

É um jogador que vem de cirurgia séria e precisará de alguns meses para voltar à plena forma.

Gastar três milhões de dólares com ele em um ano é um risco muito grande de, simplesmente, jogar essa fortuna fora, sem retorno.

O jeito, portanto, é esperar e ver no que vai dar esse imbróglio, até porque a palavra da FIFA a respeito será conhecida nos próximos dias.

.

Marcadores:

1 Comments:

  • At 6:35 PM, Blogger Iara said…

    Oi Emerson.
    Voce já fez as contas de quantas vezes você já fez post pro Nilmar??

    Eu acredito que a metade de tanta coisa a respeito do atleta seja especulação.

    Tipo assim, suponha que o Flamengo ganhe a lIbertadores 2007 (ai meu sao judas tadeu ouvi-me), com otimas atuações do nilmar, quanto o Flamengo ganharia num jogo decisivo pela libertadores???
    E um titulo??

    É por aí.

     

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home