Um Olhar Crônico Esportivo

Um espaço para textos e comentários sobre esportes.

<

sexta-feira, outubro 06, 2006

Nuvens escuras no céu da TimeMania

Nos tribunais...

Leven Siano é advogado do “Pantera” Donizette. Cobra uma dívida trabalhista já julgada no valor de 8 milhões de reais do Botafogo para com seu cliente. E ontem, numa atitude inédita, encaminhou ofício à 18ª Vara do Trabalho do Rio de Janeiro, solicitando que os recursos futuros provenientes da TimeMania sejam usados para quitar essa dívida.

E aqui o bicho pega.

A TimeMania foi criada ao jeito e gosto de seu maior, e por muito tempo, único beneficiário, o governo (Receita, INSS, FGTS). Os grandes devedores de taxas e impostos, também têm grandes dívidas trabalhistas. Só no Botafogo esse total alcança um valor estimado em 44 milhões de reais. Esse clube, junto com Flamengo e Fluminense tem um acordo com a JT do Rio, pelo qual 15% de cada valor recebido é encaminhado para quitação dessas dívidas. A ação do advogado do Pantera é para fugir dessa vala comum, onde a perspectiva de receber é remota e não sabida.

É líquido e certo no Brasil que as dívidas trabalhistas tem precedência sobre todas as demais, inclusive o Fisco. Embora alguns advogados, como a Dra. Gislaine, acreditem que essa legislação não se aplica à loteria, outros juristas dão como líquida e certa sua aplicação sem maiores dúvidas ou traumas.

Isso acontecendo, a Justiça será invadida por uma enxurrada de pedidos e, durante um bom tempo, esses clubes nada receberão da TimeMania, ou melhor, nenhum valor da loteria será encaminhado para esses clubes visando a amortização de seus débitos fiscais. Como resultado, além de pagar os impostos correntes religiosamente em dia, os clubes terão, ainda, de arcar com a totalidade do pagamento das parcelas do acordo para quitação dos débitos antigos. No Flamengo, esse valor ultrapassará um milhão de reais por mês.

E na política...

Se lulla da Silva tivesse sido eleito no primeiro turno, os companheiros dirigentes dos clubes e da CBF estariam felizes, exultantes, comemorando a breve chegada da TimeMania (comemorações talvez precipitadas, talvez equivocadas). Mas, teremos o segundo turno.

E Geraldo Alckmin, carta fora do baralho e desprezada por gregos e troianos do mundo da bola, pode vencer.

Enquanto isso, Silvio Torres reelegeu-se e bem. É um deputado com força e prestígio real no PSDB. Com Alckmin presidente não são poucas as vozes que apontam-no como... Ministro dos Esportes.

Se isso acontecer, teremos, com grandes probabilidades, um golpe terrível em todo esse processo: o governo jogará todo seu peso para mudar o acordo e obrigar os clubes a se profissionalizarem de fato, transformando-se em empresas e sujeitando-se às mesmas normas, leis e regras das demais empresas da Terra de Vera Cruz.

Boca-de-urna

Se alguém ver alguém parecido com Ricardo Teixeira ou Márcio Braga ou Roberto Horcades ou Bebeto de Freitas distribuindo santinhos pró-lulla da Silva e fazendo boca-de-urna, não se surpreenda e muito menos pense tratar-se se sósias: serão eles mesmos. O futuro, tal como eles sonham hoje, está atrelado a um novo mandato do presidente que “entende de futebol como nenhum outro jamais entendeu nesse país”...

.

Marcadores:

9 Comments:

  • At 9:55 PM, Blogger JOSE AMBROSIO said…

    A legislação criada para a timemania, com suas obrigações atreladas a pagamentos de impostos devera ceifar esta ideia do adevogado do Pantera. ainda vai dar muito pano pra manga...pelo visto voce mudou e ideia quanto a validade da timemania, ela por ser Lulista deixou de ser boa,m quandoantes era....espero que Garotinho nãoseja o proximo Ministro da Fazenda hehehehheheeheh saudações anarquistas....

     
  • At 10:16 PM, Blogger JOSE AMBROSIO said…

    Emerson fui la na folha e li a materia, sem politicagem ou bricadeira, acho que se preciptou o adevogado, pois como ainda não foi implementada a logistica da timemania o governo(qualquer um)pode mudar sua competencia(da timemanis) tentando assim reverte os fatos, se depois da lançado oficiamente(bilhetes a venda)esta ação poderia ter mas possibilidades de alcançar sucesso. Governo nenhum abre mão de arrecadar, portanto acho que p adevogado se precipitou,.

     
  • At 10:24 PM, Blogger Emerson said…

    Ambrosio, criada pelo governo lulla ou não, eu sou mil por cento a favor.

    E, pensando um pouco, se lulla vencer serei mais a favor ainda!
    Claro, afinal com esse traste & cia. no governo, mais do que nunca recorrerei ao futebol pra tocar minha vidinha com prazer. E, para isso, é importante termos bons times. Grande time bastará o meu... hehehehehehe

    Não há graça em jogar contra o Xiririca do Sul, mas há muita graça em jogar contra os cachorros grandes. Continuo sendo pró TM, mas...

    O governo não deu ponto sem nó, os clubes vão rebolar legal.

     
  • At 10:25 PM, Blogger Emerson said…

    Ah, sim... A lei.

    O advogado foi é esperto, isso sim. E a lei sobre pagamentos prioritários se sobrepõe à regulamentação da Timemania.

    Eu acho que tem futuro essa demanda. O que será um complicador a mais.

     
  • At 10:48 PM, Blogger JOSE AMBROSIO said…

    justamente o ponto onde se diz que lei sobre pagamentos se sobrepoe a regulamentação da timemania foi precipitado o advogado, pois da tempo aos politicos da bola(ou quem la sei)mudar o formato e a propria regulamentação, buscando uma alternativa que evite o aresto da parte de cada clube. sobre politica eu apenas brinco e faço chiste,cada um tem o direito de ter sua opinião, a minha e que são todos iguais. Achoi que seria interessante levar esta discurssão pro JA, para trazer mais clarividencia ao assunto a muitos torcedores que poucosabemsobreo que e um clube de futebol, mas so farei isto com a permissão sua e do Ledio. se for da vontde de voces , um abraço PS um dia quero ouvir umas historias dos tempos duros, saber o que se passou.

     
  • At 11:34 PM, Blogger Emerson said…

    Ambrosio, põe o tema em discussão, precisa falar nada nem com o Lédio e menos ainda comigo. :o)

    Mas, não sei... Acho que a turma é meio avessa a essa discussão. Não creio que o pessoal conheça a mecânica de funcionamento (apesar da gente já ter falado a respeito). E o diabo é que a Timemania pode ser mesmo o divisor entre esse presente complicado e um futuro mais tranquilo para os clubes.

    Vamos ver. Bom fim de semana.

     
  • At 5:57 AM, Blogger chicodakombi said…

    Se Geraldo ganhar ele vai acabar com a Timemania, com o Banco do Brasil, com a Caixa Econômica e com a Petrobrás?

     
  • At 9:08 AM, Blogger Emerson said…

    Não.

    A Timemania está no programa de governo do Alckmin, com a importante ressalva que ela deve ter seus recursos muito bem administrados, de forma profissional e responsável. Esse é o medo da quase totalidade dos dirigentes esportivos, pois significa uma entrada dura do governo no sistema para que os clubes se transformem em empresas.

    Comenta-se, como eu disse, que Silvio Torres (bem reeleito) é um nome óbvio para o Ministério dos Esportes. Já tem dirigente com insônia. As ações e as idéias do Silvio estão muito bem representadas nas CPIs.

    Quanto às empresas públicas que você citou, infelizmente ele não terá força política para vende-las. Pelo contrário, até. É parte do programa de governo fortalece-las. Mas é bom deixar claro que ao Estado compete educar, dar saúde, segurança e outras coisas básicas. O resto deve ficar com a iniciativa privada.

     
  • At 11:09 AM, Blogger JOSE AMBROSIO said…

    Emerson para colocar em discurssão precisarea do seu apoio, para tentar aumentar as informações que o torcedor medio recebe,sobre balanços, dividas , formas de como quitalas,...entende, jogar o assunto no ar não vai adiantar, sugiro que num dia de calamria pra nos, de poucoi trabalho, façamos um debate de pros e contra tentasndo atrair a atenção dos outros. um abraço.

     

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home